Contabilidade gerencial - O que é? Como utilizá-la?

Por: Rodolfo de Lucena - Gateway de Pagamentos, Conciliação, Anti-fraude, Recorrência, Monitoramento, Suporte e projetos especiais para a área de pagamento  10/08/2011
Palavras-chave: Business Process Management - Gerenciamento de Processos de Negócios

 

A contabilidade é uma ferramenta indispensável para a gestão de negócios. De longa data, contadores, administradores e responsáveis pela gestão de empresas se convenceram que amplitude das informações contábeis vai além do simples cálculo de impostos e atendimento de legislação comerciais, previdenciárias e legais.

 

Contabilidade Gerencial, em sintesem, é a utilização dos registros e controles contábeis com o objetivo de gerir uma entidade.

 

A gestão de entidades é um processo complexo e amplo, que necessita de uma adequada estritura de informações - ea contabilidade é a principal delas.

 

Além do mais, o custo de manter uma contabilidade completa (livros diário, razão, inventário, conciliação, etc) não é justificável para atender somente o fisco.

Informações relevantes podem estar sendo desperdiçadas, quando a contabilidade é encarada como mera burocracia para atendimento governamental.

 

Objetivamente, o custo médio de uma contabilidade de empresa de pequeno porte (faturamento até R$ 120.000/mês) é acima de R$ 600,00. Numa empresa de médio porte (faturamento até 1.000.000/mês) este custo vai a R$ 3.000,00 ou mais. Tais empresas percisam aproveitar as informações geradas, pois obviamente este será um fator de competitividade com seus concorrentes: a tomada de decisões com base em fatos reais e dentro de uma técnica comprovadamente eficaz - o uso da contabilidade.

 

A contabilidade gerencial não "inventa" dados, mas lastreia-se na escrituração regular dos documentos, contas e outros fatos que influenciam o patrimônio empresarial.

 

Dentre as utilizações da contabilidade, para fins gerenciais, destacam-se, entre outros:

 

  1. Projeção do Fluxo de Caixa
  2. Análise de Indicadores;
  3. Cálculos do Ponto de Equilibrio
  4. Determinação de Custos Padrões
  5. Planejamento Tributário
  6. Elaboração do Orçamento e Controle Orçamentário

Condições

O primeiro passo para uma contabilidade verdadeiramente gerencial, é que esta seja autalizada, conciliada e mantida com respeito às boas técnicas contábeis.

 

Desta forma, pressupõe-se, entre outros, que uma contabilidade para uso gerencial deva ter:

  1. Contas bancárias devidamente "fechadas" com os respectivos extratos, sendo as diferenças demonstradas e que tais diferenças não afetem o resultado pelo regime de competência. Admite-se, tão somente, as típicas "pendencias" bancárias, como cheques não compensados e pequenos valores de débitos e créditos a ajustar. Valores expressivos, como débitos de juros e encargos sobre financiamento, devem estar contabilizados.
  2. Provisões de Férias e 13 Salário feitas mensalmente, com base em relatórios detalhados do departamento de recursos humanos. A falta de provisão mensal distorce as demonstrações contábeis, pois o regime de competência não é atendido.
  3. Depreciação, amortizações e axaistões, contabilizadas com base em controles do patrimônio.
  4. Registro dos tributos gerados concomitantemente ao fato gerador, efetuando-se também a Provisão do IRPJ e CSLL, conforme regime a que está sujeito a empresa (lucro real, presumido ou arbitrado.)
  5. Nas empresas que se dedicam às atividades imobiliárias, optar por contabilizar custos orçados das obras. Outras atividades também exigirão técnicas contábeis específicas, como as cooperativas e as instituições financeiras.
  6. Receitas, custos e despess, reconhecidas pelo regime de competência. como detalhado adiante.

 

O regime de competência Contábil

Reconhecimento das receitas e gastos é um dos aspectos básicos da contabilidade que devem ser conhecidos para poder avaliar adequadamente as informações financeiras.

 

Sob o método de competência, os efeitos financeiros das transações e eventos são reconhecidos nos períodos nos quais ocorrem, independentemente de terem sido recebidos ou pagos.

 

Para todos os efeitos, as Normas Brasileiras de Contabilidade elegem o regime de competência como único parâmetro válido, portanto, de utilização compulsória no meio empresarial.

Palavras-chave: Business Process Management - Gerenciamento de Processos de Negócios

Contatar Rodolfo de Lucena - Gateway de Pagamentos, Conciliação, Anti-fraude, Recorrência, Monitoramento, Suporte e projetos especiais para a área de pagamento

Email

Imprimir esta Página

Outros produtos e serviços de Rodolfo de Lucena - Gateway de Pagamentos, Conciliação, Anti-fraude, Recorrência, Monitoramento, Suporte e projetos especiais para a área de pagamento

22/09/2012

Conciliação de Cartão de Crédito

Automatiza todo o processo de conciliação de transações de cartão de crédito para transações presenciais e não presenciais. Esta


22/09/2012

Conciliação de Cartão de Crédito

Automatiza todo o processo de conciliação de transações de cartão de crédito para transações presenciais e não presenciais. Esta


22/09/2012

Gateway de Pagamento

Soluções inteligentes   entre elas o Gateway de Pagamento para o processamento de transações à vista e parceladas não-presenciais,


25/04/2012

TEF ou POS, o que é melhor para minha loja?

TEF ou POS, eis a questão. Aceitar cartões de crédito em um estabelecimento comercial hoje é inevitável para qualquer


24/04/2012

O comércio eletrônico é sustentado por três grandes pilares.

Para obter eficiência nestes três pilares é necessário percorrer um grande caminho: Definir seus produtos, criar uma marca e


24/04/2012

Plataforma de operação do e-commerce

Após análise de mercado e definições de produtos, a fase mais importante do desenvolvimento de um empreendimento de comércio


23/04/2012

O temido Chargeback

No comércio eletrônico há a necessidade de saber se o comprador virtual é ele mesmo. A inibição das fraudes é fundamental para assegurar a saúde financeira da loja virtual, uma vez que parte dos prejuizos causados por fraudadores recai sobre o lojista. Chargeback (que em português significa "estorno") é o cancelamento feito pela administradora do cartão de uma venda feita com cartão de débito ou crédito, que pode acontecer pelo não reconhecimento da compra por parte do titular do cart


23/04/2012

O que são Gateways de Pagamento?

Gateways de Pagamento são interfaces utilizadas por empresas de e-commerce que servem para a transmissão de dados entre clientes,


23/04/2012

Full BPO (Business Process Outsourcing) UOLDIVEO PBC (Payment Business Center)

Full BPO (Business Process Outsourcing) baseado em plataforma única de serviços a pagamentos, "esta oferta envolve serviços e soluções integrados como Gateway de Pagamentos, Conciliação, Anti-fraude, Recorrência, monitoramento, Suporte e projetos especiais para a área de pagamentos. Essa integração torna mais fácil a gestão de pagamentos online com a melhoria da eficiência operacional e financeira dos processos".


04/10/2011

Desafios do Crescimento

Flexibilidade de fluxo de caixa é essencial. A possibilidade de gerar previsões financeiras com rapidez e precisão também é crucial. Quando você tem controle sobre o fluxo de caixa e a previsão, é possível consolidar a vantagem competitiva e melhorar a capacidade de reação aos desafios internos e às dinâmicas de mercado.



22/09/2011

A solução global

Possivel realizar o planejamento de necessidades futuras, controle da capacidade produtiva, de estoque (matérias primas, semiacabados, produtos finais), programação das atividades de produção, recursos alocdos por setor e previsão dos prazos de produção e entrega.




12/09/2011

A Evolução dos ERP

 ERP + BSC + BPM