Mercado imobiliário da Baixada Santista passa por elitização

Mercado imobiliário da Baixada Santista passa por elitização de JC imoveis

Por: JC imoveis   01/08/2011
Palavras-chave: Compra De Imóveis, Corretor De Imóvel, Imóveis À Venda

 Os investimentos destinados à exploração de petróleo no pré-sal e a injeção de R$ 6 bilhões na expansão do porto de Santos aqueceram o mercado imobiliário da Baixada Santista e levaram o setor a um processo de elitização. Veja a página de classificados de imóveis É o que informa uma pesquisa encomendada pelo Secovi-SP (Sindicato da Habitação). O levantamento aponta que os imóveis que custam mais de R$ 500 mil lideram os lançamentos na região, representando 28% dos novos empreendimentos. Em seguida, vêm os apartamentos que custam entre R$ 200 e R$ 300 mil, com 3.169 novas unidades (17%) no mercado. A pesquisa analisou 20.542 apartamentos e casas construídas nos municípios de Santos, São Vicente, Guarujá e Praia Grande entre fevereiro de 2007 e abril de 2011. "Durante anos o mercado imobiliário ficou restrito aos moradores da região. Com os investimentos recentes, a proximidade com São Paulo e qualidade de vida, o lugar ficou atraente para pessoas de outras regiões, elevando o padrão dos imóveis", diz Bruno Ferreira, diretor comercial da C.Ferreira Imóveis. Segundo ele, as vendas aquecidas demonstram que há uma demanda consistente e não há uma bolha se formando no mercado imobiliário. Das 5.258 unidades acima de R$ 500 mil, 69% já estão vendidas. Ao considerar o número de dormitórios, o estudo da Secovi aponta que os imóveis de quatro quartos tiveram o melhor desempenho de vendas no período. Apenas o município de Santos detém 87% dessas unidades lançadas na região. O aquecimento no mercado de luxo fez com que parte dos moradores deixassem Santos em busca de imóveis mais baratos nos municípios vizinhos, estimulando o mercado de toda a Baixada, conforme agentes do setor. O preço médio do metro quadrado na região varia de R$ 3.254 mil, para unidades de um dormitório, até R$ 5.552, para os imóveis de quatro dormitórios. A expectativa das imobiliárias é que o mercado continue crescendo nos próximos sete anos. "Santos ainda é barato em relação a São Paulo. Depois [de sete anos] o mercado deve se acomodar", prevê o diretor da C.Ferreira Imóveis.

Palavras-chave: Apartamentos A Venda, Apartamentos Na Praia Grande, Casas Na Praia Grande, Classificados De Imóveis, Compra De Imóveis, Corretor De Imóvel, Imóveis À Venda, Imoveis na Baixada Santista, Imóveis Na Praia, lançamentos na praia grande, Minha casa minha vida

Outras notícias e atualizações da JC imoveis

10/08/2011

Porquê investir na Grande São Paulo e Baixada Santista?

 São Paulo é uma das maiores metrópoles do planeta, estamos vivendo esta realidade, um caminho que tende a crescer, por


10/08/2011

Crescimento Imobiliário na Baixada Santista

  Segundo uma pesquisa encomendada pelo Sindicato da Habitação (Secovi/SP), houve um crescimento em massa dos valores dos imóveis na


Mourão fala sobre crescimento imobiliário e desenvolvimento regional de JC imoveis  miniaturas
10/08/2011

Mourão fala sobre crescimento imobiliário e desenvolvimento regional

  O deputado federal Alberto Mourão recebeu em seu escritório quatro alunos da Escola Técnica do Centro de Paula Souza


Dicas para Comprar e Valorizar seu Imóvel de JC imoveis  miniaturas
03/08/2011

Dicas para Comprar e Valorizar seu Imóvel

 Dúvidas na hora de adquirir um imóvel? Receio de investir errado na obra? Destacamos as principais providências na hora de


2011 promete ser ano de estabilidade para o setor imobiliário de JC imoveis  miniaturas
01/08/2011

2011 promete ser ano de estabilidade para o setor imobiliário

 Para quem pretende comprar um imóvel em 2011, a hora é agora. Segundo institutos de pesquisa do setor e especialistas


Mercado Imobiliário na praia grande está em plena ascensão de JC imoveis  miniaturas
31/07/2011

Mercado Imobiliário na praia grande está em plena ascensão

 Mercado Imobiliário na praia grande está em plena ascensão Mercado Imobiliário na praia grande está em plena ascensão o mercado imobiliário