Alicate Y35

Alicate Y35 de Proluz Produtos Elétricos Ltda.

Por: Proluz Produtos Elétricos Ltda.  02/12/2009
Palavras-chave: alicate y35, Alicates Hidráulicos e Mecânicos - Matriz avulsa, Alicates Hidráulicos e mecânicos - Matriz fixa,

 

Condutores: ( 10mm²  -  400mm² )
 
Y35-SG1 é um alicate hidráulico de 12 toneladas de força de compressão, uma ferramenta única e completa, projetada para instalar conectores tipo "C", conectores de  compressão até 400mm²      e luvas  até 185 mm²   ,  usando-se jogos apropriados de  matrizes   para cada tipo de conexão até 400mm²   ( fornecidas separadamente ). 
  • Os porta-matrizes, situados no cabeçote e no pistão do compressor, são em duas partes simétricas; portanto os jogos de matrizes podem ser colocados em qualquer uma destas duas posições. 
  • Uma das vantagens do compressor é de possuir o seu pistão movido até o conector sem necessitar do bombeamento. Isto consegue-se girando-se o cabo fixo no sentido horário até que as matrizes entrem em contato com o conector; em seguida, retorna o cabo no sentido anti-horario até o fim ( 2 voltas ), procedendo em seguida o bombeamento para completar a instalação.
  • O cabeçote do compressor hidráulico é provido de um furo de 3/4" por onde a ferramenta pode ser sustentada durante a operação.
  • Com a finalidade de facilitar o manuseio em locais de pouco espaço, a cabeça do compressor hidráulico Y35 pode ser girada até 180o. A rotação contudo deve ser feita antes que a operação de compressão seja iniciada, pois logo esta comece, o cabeçote ficará travado.  
  • A  isolação do compressor hidráulico é resistente  a óleo, de modo que nehum cuidado especial é necessário para mantê-lo livre de graxa ou outros solventes. Embora este material de isolação tenha boa resistência será possível danificá-lo por choque mecânico ou abrasão excessiva. Para evitar danos, conserve o aparelho dentro do seu respectivo estojo metálico, quando não estiver sendo utilizado. Assegure-se de manter o alicate sempre limpo, principalmente nas partes móveis.. 
  • Com o alicate Y35 na posição de repouso, atuar como segue:
  1. Selecionar o par de matrizes a utilizar na compressão;
  2. Iserir uma das matrizes na guia do cabeçote até travar no pino de fixação das matrizes. Para facilitar esta operação, mantenha pressionado o pino de desbloqueio das matrizes no cabeçote;
  3. Iserir a outra metade da matriz no pistão, até que seja travada pelo pino ( avançar o pistão por meio da alavanca giratória, caso seja necessário );
  4. Colocar o condutor no terminal a ser comprimido;
  5. Colocar o terminal entre as duas metade das matrizes, alinhando a região a ser comprimida com as referidas matrizes.

     

  1. Para eliminar qualquer bolha de ar retida no sistema hidráulico, gire o cabo fixo no sentido horário até o final do curso. Em seguida gire o cabo no sentido anti-horário até o final para retornar o pistão  ( repetir esta operação 2 ou 3 vezes );
  2. Não opere o alicate Y35 sem as matrizes, sob o risco de danificar o pistão móvel e o cabeçote,  e não efetue o bombeamento do compressor sem os CONECTORES alojados nas matrizes, mesmo estando com as matrizes e sem os CONECTORES não bombear o compressor.
  3. Cuidados com a limpesa: Lembre-se que pó, areia e sujeiras representam um perigo para qualquer componente hidráulico. Após cada utilização deve-se LIMPAR a prensa com um pano, tendo  cuidado de eliminar toda sujeira depositada no mesmo, especialmente aquela próxima da parte móvel;
  4. O pistão do compressor pode ser movido até o conector sem necessidade de bombeamento; basta girar o cabo no sentido horário até que as matrizes entrem em contato com o conector . Em seguida gire o cabo fixo no sentido anti-horário ( 2 voltas ) e inicie o bombeamento para completar a intalação; 
  5. ATENÇÃO: Não mexa na válvula de sobrecarga sem ter em mãos o   "  pois com o excesso de pressão poderá ocorrer explosão do cilindro. Em caso de vazamento de óleo, defeito de vedação ou problemas mecânicos, retorne o alicate a PROLUZ para reparos. Nunca substitua o óleo, sob pena de danificá-lo com a consequente perda da garantia; 
     
PERDA DE FLUIDO e COMPLETANDO O RESERVATÓRIO:
  • Todo equipamento operado hidráulicamente está sujeito a uma pequena perda de fluido, devido a  uma quantidade de óleo que fica retida nas partes móveis, tais como no êmbolo.
  • É portanto necessário completar o reservatório quando houver uma pequena perda de fluido.
  • Um suprimento baixo de óleo no reservatório  não permitirá que o pistão chegue até o fim do seu curso (1,0  à  3,0 mm entre a face do pistão e o lábio do cabeçote, quando o pistão tiver todo seu avanço dado manualmente, sem nehum bombeamento).
  • A falta de óleo pode também ser caracterizada por movimento em falso, em vazio, sem pressão no bombeamento.
  • Para completar o reservatório de óleo, gira-se o cabo até o fim no sentido anti-horário e retrai-se o pistão usando o gatilho da alavanca móvel.
  • Segurando o compressor de cabeça para baixo desaperta-se o parafuso limitador do curso  do cabo e desatarracha-se totalmente o cabo fixo retirando-o da posição.
  • Mantendo ainda o alicate  "de cabeça para baixo"  remove-se o bujão e com a alavanca móvel na posição fechada completa-se o reservatório com o  .
  • Para eliminar qualquer bolha de ar que tenha ficado retida no sistema hidráulico, recoloca-se o bujão, aciona-se a alavanca móvel algumas vezes com movimentos curtos e bruscos; aperta-se o gatilho  e retrai-se o pistão. Repete-se este bombeamento algumas vezes. Desaperta-se o bujão o suficiente para permitir a saida do ar, reaperta-se o bujão. Avança-se o pistão pelo cabo giratório e verifica-se a folga entre a face do pistão e o lábio do cabeçote: especificado 1,0 à 3,0mm. Caso contrário repete-se a operação acrecentando ou retirando-se óleo. Remonta-se o compressor.
  • Ao completar o nível do óleo do compressor, é absolutamente necessário mantê-lo em condição de limpeza, evitando que qualquer corpo estranho ou impureza, venha a penetrar dentro do sistema hidráulico.
  • CUIDADOS: Nas operações de aperto e desaperto do bujão de enchimento, deve-se usar tão somente uma chave de fenda e, caso necessário segurar a cabeça do pistão somente com os dedos afim de não danificar o polimento do pistão. 
  • Quando necessário a complementação do reservatório usar somente o fluido   , em nenhuma hipótese deverá ser usado fluido para freio   (óleo de breque) .
  • O compressor Y35  com o fluido     funcionará até uma temperatura de -5o à 120oC.
  • Para poder usar esta ferramenta em uma temperatura mais baixa, o fluido    deverá  ser substituido por outro fluido  " HYFLUID" especial fornecido pela BURNDY ou pela PROLUZ.
  • O compressor hidráulico foi projetado para uma operação simples e um mínimo de manutenção. Para qualquer reparo, à excessão de complementação do nível de óleo, este deve ser devolvido à PROLUZ, que o enviará  à fabrica da BURNDY que possui um departamento especializado. 
 
 
GARANTIA : Todos os compressores Y35 são garantidos por  "UM ANO"  à partir da data do embarque, contra defeitos de fabricação: não inclue-se o mau trato ou uso indevido.

Palavras-chave: alicate y35, Alicates Hidráulicos e Mecânicos - Matriz avulsa, Alicates Hidráulicos e mecânicos - Matriz fixa,

Contatar Proluz Produtos Elétricos Ltda.

Email

Imprimir esta Página